Isto é uma página de arquivo

Todas as notícias do dia estão agora disponíveis na página principal do portal SAPO

30 de Janeiro de 2008, 16:36

Nazaré: Câmara quer gestão partilhada do porto de abrigo

"Dadas as dimensões do nosso porto, devemos estar na gestão do equipamento, que é muito importante do ponto de vista urbano, social, económico e cultural", disse à Agência Lusa Jorge Barroso.

"A articulação tem existido mais na base da boa-vontade e no entendimento dos gestores actuais", mas é necessária uma "parceria mais estratégica" daquele equipamento.

"O porto é essencial para o desenvolvimento futuro do concelho da Nazaré e a Câmara Municipal quer ter uma palavra a dizer quanto à sua gestão", salientou o presidente da autarquia.

Nesse sentido, a autarquia enviou uma carta ao Instuto Portuário e dos Transportes Marítimos, manifestando vontade de integrar a gestão do porto de pesca e da Docapesca, "tendo em conta que se tratam de entidades estruturantes para o desenvolvimento sectorial da fileira da pesca e do turismo, assentando numa filosofia de proximidade e numa gestão integrada do sector marítimo-portuário".

Perante a "actual situação de escassez de recursos, falta de valorização do pescado e consequentes baixos rendimentos dos pescadores", a autarquia reclama alterações nas "ofertas turísticas na área do ecoturismo e dos desportos náuticos".

O "porto de pesca e a Docapesca desempenham competências fundamentais no desenvolvimento da fileira das pescas e do turismo", considera a autarquia, que justifica a sua pretensão em integrar a gestão dos equipamentos com as conclusões de um estudo recente do Instituto Portuário e dos Transportes Marítimos, que apontam para a "delegação da gestão e exploração dos portos de pesca nos municípios ou associações de municípios".

Em paralelo, a autarquia está a ultimar o projecto de uma nova marina, a construir a norte do porto de abrigo, para a qual existem já parceiros privados interessados.

"Há uma série de potenciais grupos interessados no projecto em conjunto com o campo de golfe a construir na zona de são Gião", explicou Jorge Barroso.

PJA.

Lusa/Fim

Agência Lusa

Comentários

Critério de publicação de comentários

publicidade

publicidade

publicidade