Página gerada às 15:11h, quarta-feira 24 de Junho

Magazine

O mundo para além das notícias, todas as quartas-feira

Blue Note: 70 anos do melhor jazz

Qualquer fã de jazz que se preze terá pelo menos uma gravação com o selo da Blue Note Records. A editora, uma das mais prestigiadas e duradouras na história da música popular, comemora 70 anos em 2009. A história da Blue Note atravessa todas as tendências do jazz desde 1939, e do seu catálogo fazem parte nomes históricos como Thelonious Monk, Bud Powell, Miles Davis, John Coltrane, Horace Silver, Art Blakey, Herbie Hancock, Wayne Shorter, Ornette Coleman, e ainda alguns mais recentes como Diane Reeves, Wynton Marsalis, Cassandra Wilson. A partir de 1984, data em que foi comprada pela EMI, a Blue Note aventurou-se por outros géneros musicais, embora se mantenha dedicada sobretudo ao jazz.

A Blue Note começou como um projecto independente de baixo orçamento, criado por um imigrante alemão fugido ao nazismo, Alfred Lion, com o apoio do escritor Max Margulis. Com outros amantes do jazz, organizaram a primeira sessão de gravação a 13 de Janeiro de 1939. Os músicos apreciavam a Blue Note pelas boas condições que ela lhes dava - incluindo o facto de deixá-los gravar durante a madrugada, depois dos espectáculos nos clubes, o trabalho cuidadoso de som, e a possibilidade de intervirem nas várias fases do processo. Outro aspecto nunca descurado foi o design das capas, a cargo de Reid Miles, que usava muitas vezes fotografias de estúdio. No âmbito das comemorações dos 70 anos, a Blue Note está a vender t-shirts com algumas das suas capas icónicas, numa parceira com a Friend or Foe.

Outra iniciativa do 70º aniversário foi a reunião de um septeto de grandes estrelas actuais do jazz, os Blue Note 7, que gravou um álbum com recriações de clássicos e está agora em digressão mundial (com passagem prevista pela Europa em Setembro e Outubro de 2009). Pode ouvir aqui excertos do álbum Mosaic.

Saber mais:
Site oficial da Blue Note Records
Video sobre os Blue Note 7

16 de Abril de 2009


Comentários

Critério de publicação de comentários